Exposição 'Maravilhas do Corpo Humano' desembarca em SP

17/11/2017 11h00 - Atualizado em 17/11/2017 13h24 por Redação Catraca Livre


corpohumano-122.jpg

Exposição 'Maravilhas do Corpo Humano' desembarca em SP


por Redação
16/08/2017  18:01 | Atualizado: 14/09/2017  18:27
 

Você já pensou em conhecer o seu corpo por dentro e saber como funciona os seus órgãos? Para responder a essa pergunta o Shopping Aricanduva realiza até o dia 15 de outubro a exposição internacional "Human Bodies – Maravilhas do Corpo Humano", que desembarca no espaço em curta temporada.

Em cartaz de segunda a sábado, das 14h às 21h, e domingos e feriados, das 12h às 19h, a mostra tem ingressos entre R$ 25 (meia-entrada) e R$ 60 (inteira). As entradas podem ser compradas online aqui.

 

1/6

 

Crédito da imagem: Kiko Seirich | Divulgação

"Maravilhas do Corpo Humano" tem o objetivo de mostrar os mistérios da anatomia

2/6

 

3/6

 

4/6

 

5/6

 

6/6

 
  • Crédito da imagem: Kiko Seirich | Divulgação

    1/6

    "Maravilhas do Corpo Humano" tem o objetivo de mostrar os mistérios da anatomia

  • Crédito da imagem: Kiko Seirich | Divulgação

    2/6

    "Maravilhas do Corpo Humano" tem o objetivo de mostrar os mistérios da anatomia

  • Crédito da imagem: Kiko Seirich | Divulgação

    3/6

    "Maravilhas do Corpo Humano" tem o objetivo de mostrar os mistérios da anatomia

  • Crédito da imagem: Kiko Seirich | Divulgação

    4/6

    "Maravilhas do Corpo Humano" tem o objetivo de mostrar os mistérios da anatomia

  • Crédito da imagem: Kiko Seirich | Divulgação

    5/6

    "Maravilhas do Corpo Humano" tem o objetivo de mostrar os mistérios da anatomia

  • Crédito da imagem: Kiko Seirich | Divulgação

    6/6

    "Maravilhas do Corpo Humano" tem o objetivo de mostrar os mistérios da anatomia

Vista por mais de 40 milhões de pessoas em diferentes países, a exposição tem o objetivo de mostrar os mistérios da anatomia que sempre provocaram a curiosidade dos seres humanos a partir de um acervo com nove corpos reais. Eles são de pessoas que se doaram em vida para a ciência e que foram submetidos ao método de plastinação. Uma técnica de preservação que usa acetona e um banho de polímero de silicone para preservar cada espécime.

Em poses inusitadas e numa visão tridimensional, cada corpo ilustra os sistemas numa forma dinâmica. Sendo que alguns se destacam por estarem em posições esportivas, como é o caso da acrobata e do tenista.

Dividida em sete galerias, a mostra ainda exibe cerca de cem espécimes e órgãos para que os visitantes conheçam a fundo a estrutura de cada sistema, sendo possível compreender doenças de uma maneira nova e também esclarecer os danos e lesões causados por problemas de saúde, como obesidade, artrite, câncer de mama e tabagismo, por exemplo.

Espécies de animais também estão expostas, trazendo um fator ainda mais intrigante à mostra: nossas semelhanças e diferenças.